OUÇA O AUDIOLIVRO 

 

PALAVRAS DO AUTOR 

O olho bom do menino é uma história que nos ajuda a refletir sobre a existência a partir de um contraponto ao qual nem sempre estamos acostumados: a escuridão. Mas não se trata de uma escuridão que deva nos meter medo. Ao contrário, é para nos remeter aos nossos “olhos ancestrais” a fim de que possamos adentrar ao nosso espírito.
Se posso dar um conselho a quem entrar em contato com esta obra é: feche os olhos! Esta é a única forma de conseguirmos compreender a complexidade de ter o sentido da visão, mas só termos acesso ao nosso ser quando o deixamos se revelar a nós. Estar de olhos fechados – ainda que tenhamos sua luz – é um importante antídoto contra a cegueira que persegue nossa existência.
Ouvir o protagonista desta história é uma forma de exercitarmos nossa humildade, combatermos nossa arrogância e aprendermos com outros olhos.

Desejo a todos e todas uma boa leitura!

Daniel Munduruku

 

 

SOBRE O AUTOR

Daniel Munduruku

Diretor-presidente do Instituto UK’A – Casa dos Saberes Ancestrais, é também comendador da Ordem do Mérito Cultural da Presidência da República. Em 2013, recebeu a mesma honraria na categoria Grã-Cruz, outorga máxima que um cidadão brasileiro pode receber e um grande reconhecimento de sua fundamental atuação no contexto do movimento indígena brasileiro. Escritor e professor indígena brasileiro, Daniel Munduruku é autor de livros premiados no Brasil e no exterior, tendo recebido o Prêmio Jabuti, o Prêmio da Academia Brasileira de Letras, o Prêmio Érico Vanucci Mendes (CNPq) e o Prêmio Tolerância (Unesco), além de ter diversos livros agraciados com o selo Altamente Recomendável, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). Graduado em Filosofia, Daniel Munduruku tem licenciatura em História e Psicologia e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Ele também é pós-doutor em Literatura pela Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) e membro da Academia de Letras de Lorena. Além de sua atuação como autor, realiza palestras e oficinas para crianças, jovens e educadores e organiza, anualmente, o Encontro de Escritores e Artistas Indígenas, que acontece durante o Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens.

SOBRE O ILUSTRADOR

Mauricio Negro

Mauricio Negro é ilustrador e autor de diversos livros, com afinidade por temas ancestrais, mitológicos, tradicionais, ambientais, identitários, indígenas, afro-brasileiros. Em mais de vinte anos de trajetória literária, tem participado de exposições, catálogos e eventos. Recebeu prêmios e menções no Brasil e em países como Alemanha, Coreia do Sul, China, Japão, México. Faz releituras de narrativas de raiz, maneja o imaginário pop e popular, visita os saberes nativos e mestiços, lida com as poéticas contemporâneas. Ex-membro do conselho diretor da Sociedade dos Ilustradores do Brasil (SIB). Este é o décimo primeiro livro de Daniel Munduruku que ilustra.